CHINA – Estrelas da natação ficam de fora das finais com os testes físicos no Campeonato Nacional

2 anos ago 0

As autoridades esportivas chinesas têm sido criticadas por suas novas regras de preparação física, à medida que os Campeonatos Nacionais de Natação em andamento se transformam em farsa.

Não importa o que aconteça na piscina, os nadadores só podem progredir para as finais com base nos resultados dos testes físicos pré-torneio, que deixaram muitos vencedores de provas de fora.

A Administração Geral do Esporte (GAS) da China tomou a decisão em fevereiro, implementando-a de forma generalizada, com atletas de elite submetidos a testes físicos padronizados. A GAS virou foco público com críticas generalizadas ao Campeonato Nacional de Natação em Qingdao.

“Os nadadores participaram de saltos verticais, sprints de 30 metros, pull-ups, treinamento de força muscular do tronco e corridas de 3.000 metros nos testes físicos de dois dias”, relatou a Xinhua. Os testes de dois dias foram realizados por 300 nadadores antes do início do campeonato em 26 de setembro. Eles duram até 2 de outubro.

A situação deixou nadadores vencedores perderam a final, com os oito primeiros resultados de testes físicos decidindo quem progride. Ao final do terceiro dia de competição na segunda-feira, cinco vencedores haviam ficado de fora. Entre eles, Wang Jianjiahe, que quebrou um recorde na Ásia, e Yu Hexin, que estabeleceu um novo recorde nacional nos 50m livres masculinos no sábado. O campeão mundial Fu Yuanhui também ficou de fora.

“Não queremos dizer que não nos importamos com a preparação física. Nós apenas achamos que o condicionamento físico pode não ser um fator decisivo”, disse Wang à mídia nacional após estabelecer um novo recorde de 1.500 metros livres. Os nadadores de alto nível da China que perderam – mesmo depois de atingir a marca de qualificação olímpica em muitos casos – deram início ao debate na internet, onde o assunto foi tendência no Weibo. Muitos criticaram a decisão do GAS por sua abordagem de tamanho único. Treinadores profissionais também fizeram essa crítica em um artigo no jornal online The Paper.

No entanto, o presidente da Associação Chinesa de Natação, Zhou Jihong, deixou claro que a reforma veio para ficar e “todos são iguais perante as regras”, disse ao China Sports News no domingo.

O Campeonato Nacional e o Torneio de Qualificação Olímpica realizado em Qingdao teve pela primeira vez incluído um teste de aptidão física em uma competição nacional formal.  Zhou explicou que o objetivo é permitir que os atletas da China fiquem entre os melhores do mundo. “O objetivo de adicionar testes de aptidão física básica nesta competição nacional é compensar as deficiências dos atletas e melhorar a competitividade dos nadadores chineses no mundo”.

A estrela do nado Fu, que perdeu uma final em Qingdao, postou em seu Weibo sobre sua dificuldade para correr. “Nunca pensei que teria que participar de uma competição de corrida nesta vida”.

A decisão do GAS em fevereiro declarou que aqueles que não cumprissem os requisitos físicos não seriam elegíveis para competir nas Olimpíadas de Tóquio.

Jonathan White | South China Morning Post