Dia de homenagem a Caio Felipe Mendes Ottoni no Troféu Maurício Bekenn em Porto Alegre

3 anos ago 0

Dois garotos se destacaram positivamente nesta quarta-feira (1), primeiro dia de disputas do Campeonato Brasileiro Infantil de Verão de Natação – Troféu Maurício Bekenn. Stephan Steverink e Raphael Windmuller estabeleceram os novos recordes de campeonato e de categoria nos 200m peito infantil 1 e 2, respectivamente. A competição também foi marcada por uma homenagem ao jovem Caio Felipe Mendes Ottoni, morto na última semana.

Um dos destaques do primeiro dia de competições mostrou a que veio já nas eliminatórias, realizadas no período da manhã. Com o tempo de 2m29s34, Stephan Steverink, do Instituto Novos Cielos, bateu os recordes de campeonato e brasileiro dos 200m peito da categoria infantil 1.

Depois de todas as eliminatórias realizadas no período da manhã, os atletas voltaram à piscina à tarde para as disputas finais do primeiro dia de competições. Stephan Steverink voltou a se destacar. Ele venceu a prova com o tempo de 2m32s98 e ficou com a medalha de ouro. Theo Beraldi, também do Instituto Novos Cielos, com o tempo de 2m33s7, ficou com a prata e Pedro Henrique Brandão, do Tijuca Tênis Clube, com a marca de 2m36s86, obteve o bronze.

Se não bastasse o desempenho nos 200m peito, Stephan voltou para a piscina para ser campeão dos 1500m livre. Ele conquistou o título com o tempo de 16m42s96. Vitor Sega, com 16m41s65, ficou em segundo lugar e Heitor Raiol, com 17m24s18, com o bronze.

Na mesma prova, mas na categoria infantil 2, o atleta Raphael Windmuller, do Clube Curitibano, estabeleceu o novo recorde brasileiro da categoria e o recorde de campeonato ao bater a marca de 2m24s94. Pedro Henrique Pimentel, do Olaria, ficou em segundo e João Vieira Garcia, do Corinthians, em terceiro.

Homenagem
O primeiro dia de competições do Campeonato Brasileiro Infantil de Natação – Troféu Maurício Bekenn foi marcado pela emoção. Na abertura da competição, atletas, técnicos, pais, professores e pessoas que estavam no Grêmio Náutico União prestaram homenagem ao jovem Caio Felipe Mendes Ottoni, nadador do Tijuca Tênis Clube, morto na última quarta-feira (25), no Rio de Janeiro.
Caio era natural do Rio de Janeiro e treinava no Tijuca Tênis Clube com a equipe infantil quando sofreu um ataque cardíaco. Caio chegou a receber atendimento médico, mas faleceu.
O presidente da CBDA, Miguel Cagnoni, também prestou homenagens ao garoto, aos familiares e amigos.

Departamento de Comunicação – CBDA

Fotos Satiro Sodré SSPress