Elite Mundial apresentada hoje para a FINA Marathon Swimming World Series – Setúbal 2019

2 anos ago 0

A elite da natação em águas abertas está de regresso a Setúbal, a 8 de junho, para desafiar o Sado em mais uma etapa da Taça do Mundo realizada a partir do Parque Urbano de Albarquel. Uma competição com o Open Challenge já com mais de 500 nadadores inscritos. As provas de elite serão transmitidas em direto no Canal FINA, e na BOLA TV.
Hoje, em conferencia de imprensa em Setúbal, a organização apresentou os nadadores inscritos à comunicação social. Entre os melhores do mundo confirmados no Sado destaque para Andreas Waschburger (Alemanha), oitavo em Londres 2012, Rachelle Bruni (Itália), prata nos Jogos do Rio 2016, Kristof Razovszky (Hungria), vencedor em Setúbal 2017 e 2018, e Ana Marcela Cunha (Brasil), 5.ª nos Jogos de Pequim 2008 e tetra campeã mundial.
Destaque para a armada portuguesa, liderada por Angélica André e Rafael Gil, que compete na prova de 10 km, por um lugar entre o ‘top ten’ mundial (ver entry list).

Maria das Dores Meira, presidente da CM de Setúbal: “tem valido a pena o investimento neste evento que reflete a nossa visão para os desportos aquáticos. Uma prova que junta a elite mundial de águas abertas com uma prova popular onde todos podem participar. Com mais de 20 países representados esta é também uma grande oportunidade para dar a conhecer o que temos de bom na nossa terra”

Alexsander Esteves, vice-presidente da FPN: “Esta é já um evento marcante no calendário internacional. Uma prova cada vez mais popular este ano com mais de 500 inscritos. Uma prova cada vez mais popular que se integra na politica de desenvolvimento da modalidade integrada no programa Portugal a Nadar.”

Pedro Pina vereador da CM Setúbal: “Esta é uma aposta nas atividades ligadas ao rio Sado com uma grande mobilização dos clubes locais. Acreditamos nesta área desportiva por isso estamos a trabalhar para que o primeiro centro de águas abertas seja uma realidade em Setúbal.”

Daniel Viegas, DTN para as Águas Abertas da FPN: “Com este ciclo olímpico a nossa aposta na juventude tem-se vindo a acentuar culminando com a participação de nadadores juniores de seleção nesta competição. Para nós é importante nadar em casa numa prova que é dura, mas atrativa porque que cria grande espectativas pela sua imprevisibilidade. Dos nadadores mais velhos esperamos que confirmem os bons resultados que têm vindo a obter.

Luis Liberato Batista, diretor do Departamento de Desporto da CM Setúbal: O dia da prova, 8 de junho é o Dia Mundial dos Oceanos. Iremos marcar esse dia com uma ação que também pretende homenagear Dennis Miller, vice-presidente da FINA, um dos responsáveis pela integração dos 10 km nos Jogos Olímpicos, recentemente falecido.”

Ana Marcela Cunha, nadadora brasileira: “Gosto muito de Setúbal. Foi aqui que me estreie em 2007 e venci a minha primeira Taça do Mundo. Vamos fazer tudo para que nos corra bem, mas é uma prova muito imprevisível.”

Fernando Ponte, nadador brasileiro: “É sempre uma prova muito disputada. É a minha quarta participação em Setúbal onde pretendo obter o meu melhor resultado.”

Angélica André, nadadora portuguesa: “estou em Setúbal para dar o meu melhor e obter um bom resultado. O ano passado não correu bem por causa do fato mas este anos tudo farei para melhorar.”

Rafael Gil, nadador português: “Perfeito seria a água estar a 20 graus. Mas independentemente da temperatura da água e do fato, vamos nadar para o nosso melhor nível. Temos uma seleção com jovens o que mostra a vitalidade das águas abertas.”

A etapa setubalense da FINA Marathon Swimming World Series – Setúbal 2019, a terceira do circuito internacional, é organizada pela FINA-Federação Internacional de natação, FPN-Federação Portuguesa de Natação e Câmara Municipal de Setúbal.

Antes da competição mundial, com inicio às 16h00 (masculinos) e 16h10 (femininos), a baía do Sado recebe, da parte da manhã o Open Challenge, aberto à participação popular. Esta prova é constituída por três distâncias: 200, 600 e 2000 metros. Serão disputadas no mesmo local da competição internacional – 200 (10h00) 600 (10h30) e 2000 (11h30).

 

SELEÇÃO DE PORTUGAL

Angélica André (CFP-Fluvial) hepta-campeã nacional dos 10 km. Recentemente foi 3.ª na Taça LEN de Brive la Gaillard. Ocupa neste momento o oitavo lugar no circuito mundial com duas provas disputadas classificações.

Cátia Agostinho (CNRM-Rio Maior). A jovem nadadora, vice-campeã nacional dos 7,5 km em 2019, foi na mesma distância sexta classificada no Europeu de juniores em Malta 2018;

Mariana Mendes (ADRCCIMM-Monte Maior), bronze nos 7,5 km do campeonato nacional 2019.

Dany Caillé (SCB-Braga); foi vice-campeão nacional júnior dos 10 km tendo em 2018 sido 12.º no Europeu de juniores em Malta.

Diogo José SCC-Cantanhedense, campeão nacional júnior dos 10 km em 2019, na época anterior foi sexto no Europeu de juniores e 10.º no mundial de juniores na distância de 7,5 km.

Rafael Gil (Sporting), quatro vezes campeão nacional entre 2015 e 2018, vice-campeão nacional absoluto em 2019 e foi este ano 13.º na Taça da Europa de Brive la Gaillard.

Tiago Campos (CNRM-Rio Maior), campeão nacional em 2019 há um ano foi 7.º nos 10 km do Europeu de juniores.  

O enquadramento técnico será assegurado pelos seguintes elementos: FPN: Daniel Viegas; Treinadores convidados: Nuno Ricardo (CNRM), Ricardo Antunes(SCC), Carlos Cruchinho (SCP), Rui Borges (CFP), Luis Cameira (SCB), Alexandre Dias (ADRCIMM).

 

ELITE MUNDIAL

Andreas Waschburger (Alemanha)

O nadador alemão, nasceu a 6 de janeiro de 1987. Andreas Waschburger começou a nadar em 2004, já em Águas Abertas. Em 2009, terminou em 3.º na Taça da Europa. Em 2010 e 2013 venceu esta série, nos 5 e nos 10 km. Foi primeiro na prova da Campeonato do Mundo, em Cancún, em 2011. Terminou em 3.º lugar na classificação da Campeonato do Mundo. No Campeonato Europeu de Budapeste, em 2010, terminou em 17.º e 10.º no Campeonato do Mundo, do ano seguinte. Com isto, classificou-se para os Jogos Olímpicos de Londres, em 2012, onde foi 8.º classificado. Em 2013, competiu nos 10 km, nas Universíadas de Verão, no Kazan, atingindo o bronze, em equipas. O nadador alemão ganhou o Championship do Runner-up, onde competiu nos 5 km, em 2012, e foi terceiro nos 10 km. No Campeonato Europeu de Águas Abertas, em 2012, em Piombino, Itália, Andreas Waschburger terminou em 2.º, no 5 e 10 km. Em 2016, em Hoorn, foi medalha de prata, nos 5 km, em equipa.

Fernando Ponte (Brasil)

O nadador brasileiro nasceu a 30 de junho de 1992, representa o Grémio Náutico União.

Em Campeonatos Nacionais teve 113 participações, que resultaram numa medalha de ouro, sete de prata e uma de bronze. Em Campeonatos Estaduais, participou 308 vezes, obtendo 83 medalhas de ouro, 47 de prata e 29 de bronze. Bateu dois Recordes Nacionais e nove Recordes Estaduais.

Ana Marcela Cunha (Brasil)

Ana Marcela Cunha nasceu no Brasil, a 23 de março de 1992. A brasileira tem um longo historial de medalhas arrecadas em grandes competições internacionais: Em Campeonatos Mundiais, em Xangai, em 2011, foi ouro nos 25 km. Na Maratona de 25 km, no Kazan, em 2015, acabou a prova em primeiro lugar. Foi a vencedora da mesma prova, em Budapeste, em 2017. A nadadora brasileira conseguiu o segundo lugar na Maratona dos 10 km, em Barcelona, em 2013, e nos 5 km em equipa, no Kazan, em 2015. Nas seguintes provas, Maratona dos 5 km, em Barcelona, 2013, e em Budapeste, em 2017, Maratona dos 10 km, no Kazan, em 2015, e Budapeste, em 2017, atingiu a medalha de bronze. No Campeonato no Pacífico, em Tóquio, em 2018, na prova da Maratona dos 10 km, ficou em terceiro. Nos Jogos Sul-Americanos, começou em 2006, em Buenos Aires. Nas Maratonas do 5 e dos 10 km foi medalha de ouro. Nas mesmas provas, em Medellín, em 2010, foi ouro e prata, respetivamente. Em Santiago, no ano de 2014, chegou ao primeiro lugar, nos 3km em equipa. Ainda nesta proa, foi bronze na Maratona dos 10 km. Em 2019, entrou no International Marathon Swimming Hall of Fame. É penta campeã do Circuito mundial.

 

Samantha Arévalo Salinas (Equador)

Samantha Salinas é natural do Equador, nascida a 30 de setembro de 1994. É especialista em Águas Abertas. Em Campeonatos Mundiais, obteve a medalha de prata, nos 10 km em 2017. Nos Jogos Pan-Americanos, em Toronto, em 2015, atingiu o terceiro lugar, também em 10 km. Nos Jogos Sul-Americanos, arrecadou o bronze, em Medellín, em 2010, nos 400 livres. Ainda nos mesmo jogos, mas em Santiago, em 2014, foi prata, nos 1500 livres e 3km em equipas.

Rachele Bruni (Itália)

Rachele Bruni é natural da Itália, nasceu a 4 de novembro de 1990. O auge da sua carreira foi nos Jogos Olímpicos Rio 2016 ao nadar para o segundo lugar, na prova dos 10 km. A italiana é oito vezes medalha de ouro no Campeonato Europeu de Natação de Águas Abertas.

Arianna Bridi (Itália)

Arianna Bridi é italiana, nascida a 6 de novembro de 1995. No que toca a medalhas, em representações nacionais, em Campeonatos do Mundo tem duas medalhas de bronze, em 2017, em Budapeste, atingiu o terceiro lugar nos 10 e nos 25 km. Em Campeonatos Europeus, em Glasgow, em 2018, foi ouro nos 25 km e bronze, nos 10 km, em Hoorn, em 2016. Em Universíadas, atingiu o primeiro lugar. Em balanço, a italiana tem duas medalhas de ouro e três de bronze.

 

ENQUADRAMENTO

A cidade de Setúbal acolhe desde 2006 uma etapa da Taça do Mundo de Aguas Abertas da FINA, tendo também realizado já duas provas de Qualificações Olímpicas da disciplina Londres 2012 e Rio 2016. É, portanto, considerada o “santuário” das Águas Abertas em Portugal, local onde podemos encontrar excelentes condições para a sua prática, com águas cristalinas e desafiantes.

Para além da competição mundial, com inicio às 16h00 (masculinos) e 16h10 (femininos), a baía do Sado recebe, da parte da manhã o Open Challenge, aberto à participação popular. Esta prova é constituída por três distâncias: 200, 600 e 2000 metros. Serão disputadas no mesmo local da competição internacional – 200 (10h00) 600 (10h30) e 2000 (11h30) com o objetivo de proporcionar uma experiencia desportiva de excelência, possibilitando aos interessados o privilégio de nadar num dos grandes palcos da modalidade a nível mundial nos últimos 12 anos. Na prova dos 2000m é obrigatório o uso de fato isotérmico com temperatura inferior a 18ºC; É opcional o uso de fato isotérmico com temperatura maior ou igual a 18ºC e inferior a 20ºC.

 

Nome  País    

Ivo Cassini                  m

Guillermo Bertola    m

Joaquin Moreno       m

Julia Arino                  f

Cecilia Biagioli           f

Romina Invinkelried   f

Yohsuke MIYAMOTO  m

Takeshi TOYODA       m

Taiki NONAKA            m

Hitomi OKAMURA       f

Yumi KIDA                  f

Minami NIIKURA        f

Mahina Valdivia          f

Angélica André           f

Cátia Agostinho          f

Mariana Mendes         f

Tiago Campos              m

Diogo José                 m

Dany Caille                 m

Rafael Gil                   m

Logan Vanhuys           m

Ihor CHERVYNSKYI   m

Andreas Waschburger m

Maria Bramont-Arias  f

Martha Aguilar            f

Aide Sandoval              f

Martha Sandoval        f

Daniel Delgadillo        m

Fernando Bentazos    m

Alexandre Finco         m

Fernando Ponte          m

Alexandre Spiess       m

Betina Martins            f

Ana Marcela Cunha    f

SAMANTHA SALINAS f

William Rollo  AUS     m

Ellen Olsson   SUE     f

Shai Toledano            m

Rachele Bruni ITA      f

Arianna Bridi              f

Mohamed Mahmoud   m

Evgenij Pop Acev       m

Caroline Jouisse        f

Maria Vilas      ESP     f

Saurabh Sngvekar      m

 

PERCURSO e PARTIDAS

As provas dos 200 metros e 600 metros disputam-se ao longo da praia. A prova dos 2000 metros disputar-se-á num percurso retangular, com uma extensão de 2000 metros. Os nadadores deverão completar uma volta para cumprir a distância. O percurso será realizado no sentido contrário ao dos ponteiros do relógio, ficando as boias de contorno obrigatório, à esquerda dos nadadores. Estas boias terão obrigatoriamente que ser contornadas de acordo com o indicado, sob pena de desclassificação. A partida e a chegada serão efetuadas em terra. Se o numero de participantes o determinar serão dadas partidas por vagas Nota: os percursos apresentados poderão ser alterados no dia da prova por motivos de segurança, más condições atmosféricas ou outras situações que possam pôr em causa o normal funcionamento da competição.

 

PROVAS E ESCALÕES ETÁRIOS

Participação: as provas do OPEN CHALLENGE são abertas a todos os interessados e com as seguintes idades mínimas: 200m e 600m – 10 anos e mais velhos 2000m – com idade igual superior a 14 anos de idade, à data da prova.

INSCRIÇÕES: https://fpnatacao.pt/uploads/eventos/Link_Inscricoes_Online_Lap2Go_2019.pdf

 

VENCEDORES EM SETÚBAL

Masculinos:

2006 Ana Bircher GBR 2:02:04

2007 Mohamed El Zanaty       EGY 2:25:28.80

2008 Valerio Cleri         ITA   1:52:46.80

2009 Thomas Lurz        GER  1:34:16.50

2010 Thomas Lurz        GER  2:01:05.6

2011 Spyridon Gianniotis       GRE  1:40:29.5

2012 Oussama Mellouli TUN 1:45:18.5

2014 Jarrod Poort AUS  1:52:06.0

2015 Charles Peterson   USA  1:54:23.60

2016 Lijun Zu      CHN 1:52:18.2

2017 Kristof Rasovszky HUN 1:29:50.97

2018 Kristof Rasovszky (HUN) 1:55.57.53

Femininos:

2006 Jana Paechanová  CZE  2:14:06

2007 Eva Berglund       SWE 2:40:56.40

2008 Ana Marcela Cunha       BRA 2:06:04.00

2009 Poliana Okimoto  BRA 1:42:32.18

2010 Martina Grimaldi  ITA   2:16:31.5

2011 Angela Maurer     GER  1:48:40.1

2012 Haley Anderson   USA  1:44:30.6

2014 Ana Marcela Cunha       BRA 2:03:52.2

2015 Rachele Bruni      ITA   2:05:24.45

2016 Xin Xin       CHN 1:55:12.1

2017  Rachele Bruni ITA 1:37:36.28

2018 Haley Andreson (USA) 2:05:18.89

FINA MARATONA SWIM WORLD SERIES (MSWS)

16 fevereiro – Maratona FINA / CNSG Swim World Series 2019 # 1Doha, QAT.

12 maio – Maratona FINA / CNSG Swim World Series 2019 # 2Seychelles, SEY.

8 junho – Maratona FINA / CNSG Swim World Series 2019 # 3Setúbal, POR.

15 junho – Maratona FINA / CNSG Swim World Series 2019 # 4Balatonfured, HUN.

21 julho – Maratona FINA / CNSG Swim World Series 2019 # 5Lac St. Jean, CAN.

3 agosto – Maratona FINA / CNSG Swim World Series 2019 # 6Lac Mégantic, CAN.

28 agosto Maratona FINA / CNSG Swim World Series 2019 # 7Ohrid, MKD.

7 setembro – Maratona FINA / CNSG Swim World Series 2019 # 8Nantou, TPE.

29 setembro – Maratona FINA / CNSG Swim World Series 2019 # 9Chun’An, CHN.

 

CIRCUITO SETÚBAL 2019

MAIS INFORMAÇÃO

https://www.fina.org/event/fina-cnsg-marathon-swim-world-series-2019-3

https://fpnatacao.pt/evento.php?codigo=539

https://fpnatacao.pt/uploads/eventos/Regulamento_OpenChallenge_Setubal_2019.pdf

 

Gabinete de Comunicação e Marketing da FPN

 

O Portal Francisswim.com.br é uma empresa de notícias/mídia sobre esportes aquáticos que abrange natação competitiva, mergulho, polo aquático, nado sincronizado e águas abertas. O Portal Francisswim foi lançado em janeiro de 2018 e rapidamente se tornou o site de natação, na língua portuguesa, mais acessado no mundo.

O Portal Francisswim.com.br promove diversas ações e projetos visando inclusão social e responsabilidade ambiental que são compartilhadas em nossas plataformas de redes sociais.

Social Responsability
The Francisswim.com.br Portal promotes diverse actions and projects aiming at social inclusion and environmental responsibility that are shared in our platforms of social networks.

Saiba mais sobre a Casa de Apoio Madre Ana

A Casa de Apoio Madre Ana proporciona um acolhimento digno a pacientes pediátricos e adultos portadores de câncer, transplantados, com problemas cardíacos, dentre outros, juntamente com seus acompanhantes vindos do interior do Estado e de outros estados brasileiros. São pessoas de baixa renda que necessitam de um suporte integral durante o período do seu tratamento na Santa Casa.

Os hóspedes recebem moradia, alimentação, material de higiene e conforto espiritual sem nenhum custo. Tudo com um único objetivo: aumentar as chances de cura dos nossos pacientes assistidos.

O leitor do site Francisswim.com.br que quer contribuir pode clicar na logomarca da Casa de Apoio Madre Ana e adicionar uma doação. Além disso, também é possível ser doador mensal para tanto, basta acessar o link: https://goo.gl/cK5wHb

Saiba mais sobre o Banco de Alimentos

O Banco de Alimentos atua como um gerenciador de desperdícios administrando três operações: coleta de doações, armazenamento, e distribuição qualificada de alimentos para entidades beneficentes, tais como creches, asilos, lares de excepcionais, entre outras ongs. A Rede de Bancos de Alimentos do Rio Grande do Sul possui 23 Bancos de Alimentos associados no Estado, os quais doam mais de 500 toneladas de alimentos para 900 instituições, todos os meses. Além da doação de alimentos, desenvolve projetos de nutrição em parceria com as principais universidades Gaúchas, levando mais Segurança Alimentar e Nutricional para as pessoas atendidas nas entidades beneficentes. Participe dessa luta contra a fome e a miséria, entre em contato com o Banco de Alimentos! Telefone: 51-3026.8020 – E-mail: bancodealimentos@bancodealimentosRS.org.br.

Site para maiores informações: http://www.redebancodealimentos.org.br/Inicial