FINA aloca US $6,4 milhões em um plano de suporte COVID-19

4 meses ago 0

A FINA anunciou um plano global de suporte a COVID-19 superior a US $ 6 milhões para ajudar os atletas que competirão nos Jogos Olímpicos de Tóquio no próximo verão, através de três programas distintos:
• US $ 4 milhões em doações para um mínimo de 160 federações nacionais para fornecer suporte ao treinamento, competição e auxílio de custo para os atletas.
• US $ 460.000 em doações para as cinco organizações continentais para permitir recursos suplementares aos atletas.
• US $ 2 milhões para atletas selecionados para participar do Programa de Bolsas de Estudo da FINA, nos Centros de Treinamento da FINA ou nas instalações de treinamento da Federação Nacional.

O presidente da FINA, Dr. Julio C. Maglione, com o apoio total do Bureau da FINA, delineou um programa abrangente para apoiar atletas de elite com perspectivas de medalhas, bem como atletas de universalidade de países em desenvolvimento.
“O objetivo principal deste programa é fornecer assistência direta aos atletas que se preparam para competir em Tóquio. A FINA reconhece a importância do apoio a todos os atletas, incluindo atletas de elite com perspectiva de medalha, bem como atletas menos experientes de países em desenvolvimento que tentam atingir os padrões de qualificação olímpica”, disse o Dr. Maglione.
A FINA criou e aumentou esses programas para expressar seu compromisso inabalável com os atletas aquáticos que continuam sofrendo dificuldades relacionadas ao treinamento e às oportunidades competitivas devido à pandemia. Anteriormente, a FINA assumiu um compromisso extraordinário de redistribuir, durante um período de quatro anos, uma parte substancial de sua receita relacionada aos Jogos Olímpicos. No entanto, como muitos planos anteriores das federações nacionais e das organizações continentais não podem ocorrer devido a restrições de viagem, a FINA permitiu um alto nível de flexibilidade na utilização de seu apoio financeiro, com forte ênfase na assistência direta aos atletas.
Além disso, o Programa de Bolsas de Estudo da FINA incluirá 100 atletas de Federações Nacionais que atualmente não possuem atletas com Padrões Olímpicos de Qualificação – 80 nadadores e 20 mergulhadores – e possibilitam treinamento intensivo nos Centros de Treinamento da FINA no Senegal, Tailândia, Rússia e Estados Unidos. Cada atleta tem direito a até US$ 2000 mensais para despesas de vida e treinamento, com treinadores de classe mundial em instalações excelentes.
“A FINA deposita grande confiança nas Federações Nacionais e nas Organizações Continentais para desenvolver soluções criativas e eficazes para os atletas que competirão em Tóquio. Desenvolvemos um processo simples e direto para os atletas receberem financiamento e sabemos que esse nível sem precedentes de apoio financeiro permitirá que os atletas aquáticos alcancem todo o seu potencial”, concluiu o Presidente Maglione.
Fédération Internationale de Natation (FINA)

Você está procurando um refúgio tropical e um espetacular evento de natação em águas abertas? Então, temos algo para você! Ocean Swim Fiji, evento de classe mundial, em um local de praias e ilhas de tirar o fôlego, com a hospitalidade clássica dos habitantes da ilha Fiji, este é o seu mergulho para 2020. Comece a planejar sua viagem ao paraíso hoje! Saiba mais https://oceanswimfiji.com/

Treine com o melhor e nade um nível acima. A marca arena oferece produtos de alta tecnologia para você treinar ou competir. Compre pelo site oficial:  https://arenawaterinstinct.com.br/ com o cupom #arenafrancis para ganhar 12% de desconto

O Projeto Nadando Pelos Cartões Postais busca unir esporte e a conscientização ecológica com as suas atividades de águas abertas. Saiba mais como participar e apoiar este projeto no https://www.facebook.com/worldswim/