Natação da Roma Nuoto Master também em ascensão na Europa

3 meses ago 0

Nós ainda não tivemos tempo de finalizar a temporada extraordinária master de natação da Roma no chamado “circuito super master”, que terminou com o campeonato italiano em Palermo, e já estamos aqui para celebrar outras conquistas.

A equipe esteve de volta no campeonato europeu master na Eslovênia, Kranj, com um tempo não muito distante do de Palermo.

Os atletas Daniela Petracchi, Cláudia Petracchi, Cecilia Schiavoni, Camila Evangelisti, Silvia D’Agostino, Roberto Tuccillo, Federico Filosi e Elena Piccardo ganharam 13 medalhas, incluindo 8 de prata e 5 de bronze.
A maior medalhista foi Daniela Petracchi que levou 3 medalhas de prata (100 e 200 m peito e revezamento 4×50 mists) e 2 bronzes (50 peito e 4×50 feminino).
Depois, com 4 medalhas de prata (200sl, 200fa, 400sl e mistaff 4x50mista), Federico Filosi, o único que já havia conquistado medalhas internacionais.
Também merecidamente ganharam suas primeiras medalhas Roberto Tuccillo (prata em 100 costas, revezamento misto 4x50medley e bronze em 200 costas) e Elena Piccardo medalha de prata no revezamento misto 4×50 metros, bronze revezamento masculino 4×50 e duas quebra de recorde italiano.

Duas medalhas também para Petracchi Júnior, medalhas de prata no revezamento misto 4×50 mista e bronze no 4×50 medley.
A estreante Camilla Evangelisti, a mais nova da equipe, contribuiu com duas excelentes atuações para a conquista da prata no revezamento 4×50 medley e bronze no 4×50 feminino.
Cecilia Schiavoni e Silvia D’Agostino finalmente trouxeram a prata no forte revezamento misto com as irmãs Petracchi.
O treinador da equipe Francesco Viola ficou radiante com as conquistas da equipe que superaram em muito as 3 medalhas de bronze obtidas na edição da Ucrânia (Yalta). “Essas 13 medalhas são um recorde difícil de melhorar. Maravilhoso foi ver os revezamentos fora de nossas fronteiras indo até o pódio. Tudo isso atesta o crescimento também do ponto de vista técnico dessa equipe”.
Alessandro Evangelista, Mirko Calzetta, Elisa Canargiu (melhor pessoal nos 100sl), Simone Frantellizzi (melhor pessoal nos 200sl), Massimiliano Carpi, Cristiano Rossi, Daniela D’Adda, Fábio Taccini (personal best in the 100do e 200sl), Silvia DiTraglia, Silvia Colombo (primazia pessoal no 50fa).

Parabéns a este maravilhoso grupo pelo enésimo teste de capital desta longa temporada!

RNM IN ASCESA ANCHE IN EUROPA
Non abbiamo fatto in tempo a mettere un punto alla straordinaria stagione della Roma Nuoto Master nel cosiddetto “circuito super master”, conclusosi con i campionati italiani di Palermo, che siamo qui a celebrare altri record.
La compagine in viola è tornata dai campionati europei master in Slovenia, precisamente Kranj, con un bottino di poco lontano da quello Palermitano.
Fautori dell’impresa Daniela Petracchi, Claudia Petracchi, Cecilia Schiavoni, Camilla Evangelisti, Silvia D’Agostino, Roberto Tuccillo, Federico Filosi ed Elena Piccardo.
8 atleti che hanno conquistato ben 13 medaglie di cui 8 argenti e 5bronzi.

La più medagliata è stata Daniela Petracchi che ha ottenuto 3 argenti(200rana,100rana e 4x50mista donne) e 2 bronzi(50rana e 4x50sl donne). A seguire , con 4 medaglie(200sl,200fa,400sl e mistaff 4x50mista), tutte d’argento, Federico Filosi, l’unico ad aver già conquistato medaglie internazionali. Hanno conquistato meritatamente le loro prime medaglie anche Roberto Tuccillo( argento nei 100dorso e nella mistaff 4x50mi, bronzo nei 200do) ed Elena Piccardo , prima argento nella mistaffetta 4x50mista, poi bronzo nella 4x50stile donne e ancora due volte bronzo nei 100 e 200rana dai quali ha ottenuto anche due record italiani. 1’15”26 che ha cancellato il recente primato ottenuto a Palermo con 1’16”03 e 2’46”60 strappato ad Irene Bonora.

2 medaglie anche per la Petracchi “Júnior” capace di migliorarsi in gara e volare in staffetta. Argento nella 4x50mista e bronzo nella 4x50stile.
L’esordiente Camilla Evangelisti, la più piccola della spedizione ha contribuito con due ottime prestazioni alla conquista dell’argento nella mistaffetta 4x50mista e de bronzo nella 4x50stile donne. Cecilia Schiavoni e Silvia D’Agostino infine hanno portato all’argento la fortissima staffetta mista con le sorelle Petracchi.
Rimasto a secco di medaglie il coach Francesco Viola. Complice una forma non ottimale il bronzo di Budapest non è mai stato realmente vicino al podio.
Mortificato dunque il precedente record di 3 medaglie di bronzo ottenute nell’edizione Ucraina(Yalta). Queste 13 medaglie sono un record difficilmente migliorabile. Magnifico poi vedere finalmente delle staffette fuori da i nostri confini. In questo caso ben 4 , 3 delle quali addirittura sul podio.
Tutto ciò testimonia la crescita anche dal punto di vista tecnico di questa squadra.

Alla trasferta Slovena hanno partecipato con buoni risultati anche Alessandro Evangelista, Mirko Calzetta, Elisa Canargiu(primato personale nei 100sl), Simone Frantellizzi(primato personale nei 200sl), Massimiliano Carpi, Cristiano Rossi, Daniela D’Adda, Fabio Taccini(primato personale nei 100do e 200sl), Silvia DiTraglia, Silvia Colombo(primato personale nei 50fa).
Complimenti vivissimi a questo meraviglioso gruppo per l’ennesima prova maiuscola di questa lunghissima stagione!

 

Responsabilidade Social
O Portal Francisswim.com.br promove diversas ações e projetos visando inclusão social e responsabilidade ambiental que são compartilhadas em nossas plataformas de redes sociais.
Social Responsability
The Francisswim.com.br Portal promotes diverse actions and projects aiming at social inclusion and environmental responsibility that are shared in our platforms of social networks.

Saiba mais sobre a Casa de Apoio Madre Ana
A Casa de Apoio Madre Ana proporciona um acolhimento digno a pacientes pediátricos e adultos portadores de câncer, transplantados, com problemas cardíacos, dentre outros, juntamente com seus acompanhantes vindos do interior do Estado e de outros estados brasileiros. São pessoas de baixa renda que necessitam de um suporte integral durante o período do seu tratamento na Santa Casa.
Os hóspedes recebem moradia, alimentação, material de higiene e conforto espiritual sem nenhum custo. Tudo com um único objetivo: aumentar as chances de cura dos nossos pacientes assistidos.
O leitor do site Francisswim.com.br que quer contribuir pode clicar na logomarca da Casa de Apoio Madre Ana e adicionar uma doação. Além disso, também é possível ser doador mensal para tanto, basta acessar o link: https://goo.gl/cK5wHb

Saiba mais sobre o Lar São Luis Guanella
O Lar Dom Guanella foi fundado em 1994 com o objetivo de acolher e prestar atendimento as pessoas idosas de ambos sexos e que se encontram em situação de vulnerabilidade. Sua capacidade atual é de 40 idosos.
O lar se mantém através da ajuda da comunidade e de pessoas, que realizam doações mensais, além de Instituições e Escolas através de festas como Natal e Páscoa. São aceitas doações diversas como alimentos, leite, material de higiene pessoal e fraldas.
O Lar São Luis Guanella é instituição filantrópica, cujo fundador é o italiano São Luís de Guanella, canonizado pelo papa Bento XVI em 23 de outubro de 2011, e funciona na Avenida Ary Tarragô 1281, Porto Alegre, Rio Grande do Sul.
Quem quiser colaborar com o Lar São Luis Guanella pode entrar em contato pelo telefone (51) 3372-6957 e pelo e-mail larsaoguanella@guanellianos.org.br
ou através da página no Facebook: https://www.facebook.com/larguanella/