Saltos Ornamentais são bem representados pelo Brasil na Universíade

4 anos ago 0

Considerado um esporte de muita técnica, os saltos ornamentais estão sendo muito bem representados por quatro atletas brasileiros na Universiade de Verão 2017. Jackson Rondinelli, Ian Carlos, Luana Wanderley e Tammy Galera participam de diversas provas da modalidade.
Hoje, pela manhã, o atleta Jackson participou da prova de trampolim 1 metro e o técnico Edmundo Vergara elogiou o empenho do atleta, mesmo não sendo classificado. “Essa prova não é o forte do Jackson, mas resolvemos participar para que ele entrasse no clima da competição e se preparasse para sua prova, que é a plataforma”, explica o técnico.
Jackson fez seis ótimos saltos durante as preliminares e em apenas um não recebeu boa pontuação. Mesmo assim o atleta não entrou, pois de acordo com Edmundo os saltos dos atletas que chegaram à frente dele tiveram maior grau de dificuldade. “Ele fez saltos bons, mas de grau de dificuldade menor. E isso conta muito nesse esporte. Essa foi a melhor prova de 1 metro que ele já fez. Estamos felizes, porque vemos que estamos crescendo, evoluindo”, comenta o técnico.
A prova de 1 metros realizada ontem, 21, pela atleta Luana Wanderley, também deixou o técnico feliz. “Luana ficou na semifinal com menos de três pontos. Esse é um resultado muito positivo para o Brasil, pois nosso esporte é difícil e ainda estamos muito atrás do patamar que está o restante do mundo. Aos poucos estamos aproximando. E um resultado como esse nos deixa feliz e nos estimula a continuar o trabalho e buscar sempre mais”, finaliza Edmundo.
As competições de saltos ornamentais ainda continuarão durante toda semana com provas de 3 metros, plataforma e sincronizado.

por Assessoria CBDU
Foto: Fellipe Chargel/CBDU/Be Nice Films
Fonte CBDU – Confederação Brasileira do Desporto Universitário.