Sorteio do torneio de polo aquático para os Jogos Olímpicos de Tóquio ocorreu em Rotterdam

2 semanas ago 0

Torneio masculino

A Sérvia, campeã olímpica masculina, jogará no Grupo B, junto com dois vizinhos e arquirrivais Croácia e Montenegro, que garantiram sua vaga olímpica esta semana em Roterdã. Espanha, medalha de prata no Campeonato Mundial de 2019 e no Campeonato Europeu de 2020, Austrália e Cazaquistão também estão neste grupo.

Há cinco anos, a Sérvia derrotou a Croácia na final dos Jogos do Rio. A Itália terminou em terceiro nos Jogos Olímpicos anteriores.

Montenegro, medalha de bronze no Campeonato Europeu de 2020, nunca ganhou uma medalha olímpica, mas terminou em 4º lugar três vezes (2008, 2012, 2016).

O Grupo B parece mais forte do que o Grupo A, no qual os favoritos são a campeã europeia Hungria e a campeã mundial Itália, mas a Grécia também é uma das candidatas à alta classificação. Além de três europeus, os EUA, Japão e África do Sul foram sorteados neste grupo. A equipe dos EUA está crescendo a cada ano. Japão e África do Sul são azarões aqui, mas os anfitriões estão se preparando seriamente para os Jogos.

Grupo A
África do Sul, Estados Unidos, Hungria, Grécia, Japão, Itália

Grupo B
Austrália, Croácia, Sérvia, Espanha, Cazaquistão, Montenegro

Quatro equipes de cada um dos grupos se classificarão para as quartas de final.

 

Torneio feminino

Pela primeira vez, dez times vão jogar no torneio olímpico feminino de pólo aquático.

A equipe dos EUA, que tem dominado o pólo aquático feminino nos últimos anos, vai jogar no Grupo B, junto com a Hungria e a Rússia, as equipes 2ª e 3ª colocadas no campeonato Europeu de 2020. A Rússia conquistou a medalha de bronze no Rio 2016. A Itália, que ficou em segundo lugar no Rio, não se classificou para Tóquio.

Espanha (campeã europeia e medalhista de prata no Campeonato do Mundo de 2019), Holanda e Austrália são as favoritas do Grupo B.

Grupo A
Austrália, África do Sul, Holanda, Espanha, Canadá

Grupo B
Rússia, China, Hungria, Estados Unidos, Japão

Quatro equipes de cada um dos grupos se classificarão para as quartas de final.

África do Sul sim ou não?

Boatos de que a África do Sul poderia se retirar do torneio de pólo aquático dos Jogos Olímpicos surgiram nas últimas semanas. Isso aconteceu depois da postagem do jornalista sul-africano Greame Joffe no Twitter. Ele postou que os membros das equipes de pólo aquático da África do Sul foram informados por sua federação de natação e pelo Comitê Olímpico Nacional que eles deveriam pagar as despesas de viagem para os Jogos de Tóquio. Alegadamente, cada atleta tem que pagar 100.000 rands sul-africanos (aproximadamente 5.600 euros). Fontes oficiais não confirmaram ou negaram as informações.

Mas, em um documento denominado “Critérios de Seleção para Jogos Olímpicos de Pólo Aquático”, postado no site da Federação Sul-Africana de Natação e datado de outubro de 2020, há um ponto 2 que diz “Este passeio será autofinanciado”.

De acordo com os documentos oficiais divulgados no mesmo site, as seleções da África do Sul habituaram-se a viajar para as competições nestas condições.

A participação da África do Sul nas Qualificações da Liga Mundial FINA 2019, Campeonatos Mundiais de 2017, Campeonatos Mundiais 2019, Jogos da Commonwealth 2018 e muitas outras competições continentais e para atletas seniores, juniores e jovens foram passeios autofinanciados ou membros da equipe pagaram a contribuição.

A maior parte dos custos dos Jogos Olímpicos são custeados pelos organizadores e pela Vila Olímpica. Os Jogos estão se aproximando, então provavelmente será anunciado em breve quais dessas informações são precisas e quanto os jogadores terão que pagar.

A equipe masculina da África do Sul conquistou o 12º lugar no Campeonato Mundial de 2019, enquanto as mulheres terminaram em 14º.

FONTE https://total-waterpolo.com/draw-for-olympic-games-south-slavs-in-the-same-group/