Superação para Atletas Transplantados – entrevista exclusiva com o atleta transplantado Rodrigo Cristiano Machado

6 meses ago 0

A XXII WORLD TRANSPLANT GAMES aconteceu em Newcastle / Gateshead no Reino Unido de 17 a 24 de Agosto de 2019 e contou com a presença de mais de 2000 transplantados de 59 países, disputando 16 modalidades esportivas.
O Brasil teve a sua marca histórica, tanto no número de atletas com um total de 22, sendo 19 transplantados e 3 doadores, como também no número de medalhas, totalizando 17, sendo 1 de Ouro, 4 de Prata e 12 de Bronze.

No Brasil, mais de 30 mil pessoas aguardam na lista de doação de Órgãos. Qual a importância de falar e levar a conscientização sobre a declaração de “Eu sou doador” para a população?
A importância dos Jogos Mundiais dos Transplantados para nós, é a oportunidade de mostrar para todo o Brasil que existe vida com qualidade após um transplante e que mais transplantados possam iniciar uma prática esportiva, após a orientação médica e profissional e dentro das suas possibilidades. Além disso, é o momento que podemos agradecer nossos doadores, sejam intervivos ou a família de um doador falecido, que num momento difícil da perda de um ente querido, disse SIM ao ato de doação, dando vida para outras pessoas.

 

Como foi a sua participação no World Transplant Games de New Castle?
A minha participação foi relativamente boa, pois apesar de não conseguir estabelecer minhas melhores marcas em algumas provas, consegui conquistar 5 medalhas e com certeza isso tem um peso no balanço geral, principalmente pois o meu período de treinos foi muito forte e tive que conviver com uma lesão que atrapalhou um pouco, mas tudo isso faz parte do esporte.

 

Ao todo, cerca de 2.500 transplantados participaram da iniciativa. Como foi a troca e interação com transplantados do mundo todo ?
Toda competição de transplantados sempre é uma emoção a parte, principalmente o Mundial, com transplantados e doadores de todo mundo. Todos ali são vitoriosos, a prova disso é estarem vivos e competindo, mas mesmo assim, todos querem disputar as medalhas e na hora da competição a “briga” é boa, mas logo em seguida o que mais vemos é a amizade e a grande festa e alegria de estarmos todos com saúde e competindo.

 

E em comparação com outros países, em sua opinião, como o Brasil poderia melhorar e ampliar a conscientização da população sobre a importância da doação de órgãos?
Divulgando cada vez mais a importância do gesto de amor das Doações e também as competições dos transplantados, assim além de mais transplantados participando e melhorando sua qualidade de vida, também materializamos a importância das Doações.

 

Por fim, deixe uma mensagem para outros atletas transplantados que sonham em participar de eventos como esse ?
Nós do Time Brasil Atletas Transplantados estamos esperando mais transplantados para se juntar a nós e levar o nome do esporte brasileiro para o mundo todo, sem dúvida alguma, será uma experiência maravilhosa.

Aproveito para informar que ainda esse ano, entre os dias 21 a 24 de Novembro acontecerá os I Jogos Brasileiros para Transplantados, com realização e organização da Prefeitura de Curitiba.

Mais informações no site: www.jbtxcuritiba.com.br

O Portal Francisswim.com.br é uma empresa de notícias/mídia sobre esportes aquáticos que abrange natação competitiva, mergulho, polo aquático, nado sincronizado e águas abertas. O Portal Francisswim foi lançado em janeiro de 2018 e rapidamente se tornou o site de natação, na língua portuguesa, mais acessado no mundo.

O Portal Francisswim.com.br promove diversas ações e projetos visando inclusão social e responsabilidade ambiental que são compartilhadas em nossas plataformas de redes sociais.

Social Responsability
The Francisswim.com.br Portal promotes diverse actions and projects aiming at social inclusion and environmental responsibility that are shared in our platforms of social networks.

Saiba mais sobre a Casa de Apoio Madre Ana

A Casa de Apoio Madre Ana proporciona um acolhimento digno a pacientes pediátricos e adultos portadores de câncer, transplantados, com problemas cardíacos, dentre outros, juntamente com seus acompanhantes vindos do interior do Estado e de outros estados brasileiros. São pessoas de baixa renda que necessitam de um suporte integral durante o período do seu tratamento na Santa Casa.

Os hóspedes recebem moradia, alimentação, material de higiene e conforto espiritual sem nenhum custo. Tudo com um único objetivo: aumentar as chances de cura dos nossos pacientes assistidos.

O leitor do site Francisswim.com.br que quer contribuir pode clicar na logomarca da Casa de Apoio Madre Ana e adicionar uma doação. Além disso, também é possível ser doador mensal para tanto, basta acessar o link: https://goo.gl/cK5wHb

Saiba mais sobre o Banco de Alimentos

O Banco de Alimentos atua como um gerenciador de desperdícios administrando três operações: coleta de doações, armazenamento, e distribuição qualificada de alimentos para entidades beneficentes, tais como creches, asilos, lares de excepcionais, entre outras ongs. A Rede de Bancos de Alimentos do Rio Grande do Sul possui 23 Bancos de Alimentos associados no Estado, os quais doam mais de 500 toneladas de alimentos para 900 instituições, todos os meses. Além da doação de alimentos, desenvolve projetos de nutrição em parceria com as principais universidades Gaúchas, levando mais Segurança Alimentar e Nutricional para as pessoas atendidas nas entidades beneficentes. Participe dessa luta contra a fome e a miséria, entre em contato com o Banco de Alimentos! Telefone: 51-3026.8020 – E-mail: bancodealimentos@bancodealimentosRS.org.br.

Site para maiores informações: http://www.redebancodealimentos.org.br/Inicial