Atletas Olímpicos e Paralímpicos dos EUA solicitam ao COI que seja abolida a regra que proíbe protestos nos Jogos Olímpicos

2 semanas ago 0

A administração do Conselho de Atletas do Comitê Olímpico e Paralímpico dos Estados Unidos (USOPC) publicou uma carta convidando o COI e o IPC a abolir a regra 50 da Carta do COI, que impede os atletas de protestarem durante os Jogos Olímpicos.

Artigo 50:
“Nenhum tipo de manifestação ou propaganda política, religiosa ou racial é permitida em manifestações olímpicas, locais, locais de reunião ou outras áreas”.

No início deste mês, o COI reafirmou sua posição em relação à regra 50. Os protestos continuam proibidos.
Na natação, em 2017, o campeão olímpico Anthony Ervin se ajoelhou durante o hino nacional americano no encontro Raia Rapida no Brasil.
Para as próximas Olimpíadas de 2021, é razoável pensar que esse tipo de protestos aumentarão. Os atletas usaram eventos esportivos para chamar a atenção para questões sociais e políticas muito importantes.

A carta começa com a frase:
“ATLETAS NÃO SERÃO MAIS SILENCIOSOS” O comitê continua expressando sua convicção de que a participação de atletas em movimentos sociais é fundamental para o movimento olímpico, e não em oposição a ele, como afirmou o COI.
A carta então se concentra na história de John Carlos e Tommie Smith. Carlos é agora um dos colaboradores da AAC. O Comitê Olímpico e Paraolímpico de Atletas dos Estados Unidos representa a voz dos atletas olímpicos no movimento olímpico americano. John Carlos, em 1968, ganhou a medalha de bronze nos 200 metros. Na cerimônia de premiação, ele levantou o punho, junto com Tommie Smith, para protestar contra o racismo no movimento olímpico.
Hoje, o Comitê Olímpico dos Estados Unidos destaca a hipocrisia do COI. Por um lado, exalta as ações de Smith e Carlos em seus museus. Por outro lado, não permite que os atletas atuais os tomem como exemplo.
“Carlos e Smith arriscaram tudo para defender os direitos humanos e o que eles acreditavam. Eles continuam a inspirar geração após geração a fazer o mesmo”.
“É hora do movimento olímpico e paralímpico honrar sua coragem, em vez de denunciar suas ações”.
FONTE SWIM SWAM ITÁLIA

Você está procurando um refúgio tropical e um espetacular evento de natação em águas abertas? Então, temos algo para você! Ocean Swim Fiji, evento de classe mundial, em um local de praias e ilhas de tirar o fôlego, com a hospitalidade clássica dos habitantes da ilha Fiji, este é o seu mergulho para 2020. Comece a planejar sua viagem ao paraíso hoje! Saiba mais https://oceanswimfiji.com/

Treine com o melhor e nade um nível acima. A marca arena oferece produtos de alta tecnologia para você treinar ou competir. Compre pelo site oficial:  https://arenawaterinstinct.com.br/ com o cupom #arenafrancis para ganhar 12% de desconto

O Projeto Nadando Pelos Cartões Postais busca unir esporte e a conscientização ecológica com as suas atividades de águas abertas. Saiba mais como participar e apoiar este projeto no https://www.facebook.com/worldswim/